Kalfritec - Engenharia e Inovação em Refrigeração Industrial

Amônia ou Freon

Linha de Amônia
Sumário

A amônia e o freon são, atualmente, os dois fluidos refrigerantes mais utilizados em sistemas de refrigeração industrial, especialmente nos frigoríficos e nas empresas alimentícias em geral. 

No entanto, existem algumas vantagens em usar um ou outro fluido.

Quando comparamos um e outro observa-se que uma das principais vantagens de usar a amônia (NH3) é o seu baixo impacto ambiental. A amônia é um refrigerante natural que não contribui para o esgotamento da camada de ozônio, com um potencial de aquecimento global muito baixo. 

Como é a eficiência energética da amônia?

Além disso, em termos de eficiência energética, a amônia é um refrigerante um pouco mais eficiente que os halogenados (Freon). podendo levar a uma redução no consumo de energia, o que pode resultar em economias de custos significativas a longo prazo.

Outra vantagem da amônia é a sua disponibilidade e acessibilidade. A amônia é amplamente utilizada em uma variedade de aplicações industriais e é facilmente encontrada em todo o mundo. Isso significa que o custo de aquisição da amônia é geralmente menor do que outros refrigerantes, tornando-a uma opção econômica.

Contudo, a amônia NH3, ainda que considerada segura quando manuseada corretamente, pode ser perigosa em caso de vazamentos, pois é inflamável e tóxica. Já os halogenados, com atenção especial ao freon, são menos perigosos em caso de vazamentos e menos propensos a causar danos à saúde humana.

Dito isso, passamos a analisar as vantagens em usar o freon em vez da amônia. Por exemplo, o freon pode ser uma melhor opção em sistemas de refrigeração que precisam operar em temperaturas muito baixas, uma vez que ele é mais estável do que a amônia em baixas temperaturas e tem um ponto de ebulição mais baixo.

Como é o manuseio do freon?

O freon pode ser mais fácil de manusear e transportar, além de ser menos agressivo. A amônia é um gás corrosivo e pode ser perigosa sem as precauções adequadas. Já o freon é mais fácil de armazenar e transportar, e pode ser mais fácil de lidar em algumas situações se a instalação for em grandes centros urbanos.

A amônia é utilizada em grandes frigoríficos ou grandes empresas alimentícias ou que ficam mais retiradas dos grandes centros, já o freon, geralmente é utilizado em pequenas empresas ou empresas que estão posicionadas em grandes centros, uma vez que tem menos toxidade.

Em resumi, a amônia e o freon são duas substâncias químicas muito usadas para o resfriamento e/ou congelamento em especial na Refrigeração Industrial. A amônia é um refrigerante natural, sustentável, de baixo custo, eficiente e seguro quando usada corretamente, enquanto o freon é uma substância química sintética com menor eficiência, maior custo e que tem maior impacto ambiental, porém de menor toxidade e de fácil transporte.

No geral, a escolha entre amônia e freon dependerá das necessidades específicas de cada aplicação e das restrições regulatórias em vigor no local da instalação.

Gostou do conteúdo? Compartilhe:
Picture of Kalfritec Refrigeração Industrial
Kalfritec Refrigeração Industrial

A Kalfritec está sediada em Joinville, a maior cidade do estado de Santa Catarina e importante polo industrial e tecnológico. Atua comercialmente em todo o Brasil e parte da América do Sul.